18 de maio de 2014

Serviços de "des'excelência" que o povo paga, sem alternativa

Trago-vos duas histórias das muitas que já vivi com estes serviços postais.

Podem parecer anedotas, mas garanto que não.

Por isso não resisto a partilhar convosco o "excelente" serviço prestado pelos CTT.

Ora, vamos lá.

Aventura I: A propósito da entrega extemporânea de correspondência e/ou entrega em caixa diferente da minha.

Nota: Num sábado encontrei na minha caixa muita correspondência, depois de diariamente, face ao meu interesse, verificar a caixa do correio e não encontrar nada.

Reclamação
Data: 25 de julho de 2009
Destinatário: Site CTT - Informação
Assunto: Reclamações
"Antes de possuir n.º de porta quando aconteciam factos semelhantes recebia como resposta do v/ funcionário que "só entrego as cartas se quiser, uma vez que os senhores não têm n.º de porta", isto, mesmo quando na minha rua (xxx xxx xxx, xxxxxx, xxxx-xxx xxxxxxxx da xxxxxxxx) só existindo 3 casas habitadas, sendo que há cerca de 20 anos que eu cá resido, os outros residentes são os meus sogros e a outra casa habitada tem pouco anos. Sou licenciado e tenho concorrido a diversos concursos para cargos na função pública que requerem muita documentação e que cada um deles me custa, entre processos, cópias, despesas de envio e deslocações, independentemente de conseguir ou não os lugares a que concorro, certa de 20 a 30 euros/cada. 



Por estes dias, já tendo eu n.º de porta há algum tempo, apesar da carta vir devidamente identificada com todos os elementos, o vosso carteiro fez o favor de entregar não sei quando (a carta tem a data de 13 de Julho), a quem, nem onde, uma carta de notificação, para um concurso para a CM de xxxxxxx, para o dia 23 de Julho (passada 5.ª feira), que, embora fechada, misteriosamente, apareceu hoje (25-07-09) na minha caixa do correio.



Gostaria de saber a quem pedir responsabilidades, uma vez que a minha participação no referido concurso ficou anulada por falta à prova para a qual fui notificado. Não tenho como provar perante a entidade contratante a não recepção da notificação, uma vez que esta veio com registo simples, não impondo a lei outra forma.



Agradeço a v/ atenção e aguardo por uma, tão breve quanto possível, resposta.

Com os melhores cumprimentos,
António Albuquerque"

Resposta n.º 1
Remetente: INFORMAÇÃO ON-LINE
Data: 27 de Julho de 2009
Assunto: Site CTT - Informação
"Exmo. Senhor

António Albuquerque 
Gostaríamos, desde já, de agradecer o seu contacto, que mereceu a nossa melhor atenção. 
Informamos que o assunto reportado foi reenviado para o serviço de Reclamações, para averiguação. 
Caso necessite deverá contactar reclamacoes@ctt.pt. 
Lembramos que, para qualquer informação ou esclarecimentos mais detalhados, poderá consultar o nosso site www.ctt.pt ou ligar para a Linha CTT através do 707 26 26 26. 
Com os nossos melhores cumprimentos,"
Resposta final
Data: desconhecida (já não me recordo)
Via: Postal
Resumo:
"após análise, conclui-se que a correspondência foi colocada no vosso receptáculo de receção de correspondência."
A minha resposta: 
"Peço desculpa pelo tempo que vos fiz perder, em especial para me darem uma resposta destas. Lamentável."

Aventura II: Encomenda de um artigo adquirido via internet
Data: 09 de maio de 2014
Destinatário: CTTEXPRESSO SERVIÇOS POSTAIS E LOGÍSTICA.
Assunto: Insatisfação com o serviço
"No passado dia 7 ao verificar no vosso site às 13:59 que o meu Objeto n.º xxxxxxx, se encontrava no Estado «Objeto em distribuição» liguei para a linha de apoio e foi-me dito que, no máximo sexta-feira (hoje) receberia a encomenda. Infelizmente não recebi.
Preciso dela. Podem dizer-me a data prevista de entrega? 
Posso pedir que me seja entregue no meu local de trabalho, xxxx , se estiver prevista a entrega até dia 14? 
Obrigado pela atenção,

António Albuquerque"
Resposta
Data: 17 de maio de 2014
Remetente: CTTEXPRESSO SERVIÇOS POSTAIS E LOGÍSTICA <ems@cttexpresso.pt>
"Exmo. Sr. António Albuquerque,

Agradecemos o seu contacto e pedimos desculpa pela demora na nossa resposta.
Informamos que o Correio Registado xxxxxxxxxxxxxxxxxx, tem informação de entrega no dia 14/05/2014, no entanto, o assunto reportado foi reenviado para os CTT Correios.
Caso necessite deverá contactar para 707 26 26 26.
Com os nossos melhores cumprimentos,

xxxx xxxxx

Customer Care

Marketing"
Ora, se tem data de entrega no dia 14, o que me interessa agora mais informação?

Tem sido evidente nos últimos tempos a incorreta entrega de correspondência em diversos pontos, pelo menos, do nosso concelho. Não sei se por distração, por incompetência ou ignorância, ou até, desinteresse, mas os clientes não podem ser os prejudicados desta política de colocação de carteiros em part-time, ou com recurso a contratos temporários.

Longe vai o tempo em que os carteiros nem precisam de ler as moradas, bastava o nome e já sabiam onde colocar a correspondência...

Enfim, outros tempos, outras gentes, outras mentalidades e responsabilidades. Pena que seja como a canção, que são tempos que já não voltam mais. E eu que julgava que a experiência também serve para qualificar e melhor prestar o serviço...

E se com a introdução do sistema via Código Postal o slogan era "meio caminho andado", agora parece que o restante meio caminho é parado!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Por opção pessoal, o exercício da liberdade de expressão é total nas caixas de comentários abertas ao público, disponibilizadas no meu blogue, estando apenas vedadas, e a partir desta data, aos anónimos, pois como se trata de um blogue pessoal entendo que não faz sentido que não se saiba quem gosta ou não das minhas publicações.

2013.02.07

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...